quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Separação de bens...

VOCÊ FICA COM A RAZÃO...
Eu fico com os dias ensandecidos
Com o vento nos seus cabelos
Com o canto final do sol
No dourado da sua pele.

VOCÊ FICA COM A VERDADE...
Eu fico com os raios da lua
Com os sussurros sem nexo
Os beijos loucos, dementes
Com a obsessão dos corpos.

VOCÊ FICA COM O DIREITO...
Eu fico com as horas de gozo
Com o ruído das folhas das árvores
Com seus dedos tecendo anseios
Na brancura do meu corpo

VOCÊ FICA COM O QUE É CERTO...
Eu fico com a incerteza
Com a beleza do instante sem continuidade
Com o momento perdido entre as horas
Com a eternidade perdida no momento.

__Dalva Agne Lynch__

Nenhum comentário: