quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Martha Medeiros...


"Não era amor, era uma sorte.
Não era amor, eram dois travesseiros.
Não era amor, era de tarde.
Não era amor, era inverno.
Não era amor, era sem medo.

Não era amor... era melhor."

Nenhum comentário: