segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Rumi...


"Sofreste em excesso

por tua ignorância,
carregaste teus trapos
para um lado e para outro.
...
Na verdade, somos uma só alma, tu e eu.
Nos mostramos e nos escondemos tu em mim, eu em ti
Eis aqui o sentido profundo da minha relação contigo,
Porque não existe, entre tu e eu, nem eu, nem tu.

Ontem à noite, confidencialmente, eu disse a um velho sábio:
_ Não me esconda nada dos segredos do mundo!
Muito docemente, ele me disse ao ouvido:
- Chut! Podemos compreender, mas não exprimir!"

Nenhum comentário: