sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Respire...

Respire, Respire no ar
Não tenha medo de se preocupar

Parta, mas não me deixe

Olhe ao seu lado e escolha seu próprio chão
Pelo quanto você viver e alto voar 
Sorrisos você dará e lágrimas você chorará
E tudo você tocar e tudo que você ver
É tudo o que sua vida sempre será.
Corra, coelho corra
Cave aquele buraco e esqueça o sol
E quando finalmente o trabalho terminar
Não se sente, é hora de cavar um outro

Desejo a você uma vida longa e que você voe alto
Mas só se você montar na maré
E se equilibrar na maior onda
Você corre para um túmulo adiantado

Casa, em casa novamente
Eu gosto de ficar aqui quando eu posso
Quando eu volto com frio e cansado
É bom aquecer os ossos ao lado do fogo
Longe do campo
O toque do sino de ferro
Convida os fiéis a ficarem de joelhos
Para ouvir os mágicos dizeres sussurrados.
(Pink Floyd)

Nenhum comentário: